"Com Peso e Medida" é um espaço para ser desenvolvido não por um matemático, mas por um médico. Mas o que é que a matemática tem a ver com a medicina? Sabia que a terminologia "Série de Lesões" tem a ver com a matemática? Pelo menos é uma expressão muito usada nos domínios hospitalares. Nos Estados Unidos da América muitos profissionais da medicina têm tido a necessidade de tirar um segundo curso, nada mais nada menos que o curso de Matemática.


 Fernando Silva - Médico. Especialista em Ortopedia. Mestrado em Medicina Desportiva 


Artigo de Março


Título: Intervalo de Confiança II


A nossa vida e a nossa história estão repletas de dúvidas que causam inconsistências no intervalo de confiança das nossas decisões. Os exemplos a seguir são apenas quatro gotas de água.


Existe uma antiga história que relata uma sociedade antiga, liderada por mulheres, baseada no facto de terem o poder de “dar á luz”, derivado da sua relação directa com o Divino. Conta também a história que assim que se percebeu a origem da gravidez o poder passou para o homem (aparentemente). Homem e mulher continuam duvidosos quanto ao poder mas na história da sua criação essa questão nunca foi colocada.


Era comum ver pessoas a correr com impermeável em tempo quente para perder peso. De facto desidratavam, entravam em hipertermia, perdiam pouca gordura (e muita água). Esta fase durou até que se começou a generalizar o conhecimento que a perda de peso em água não significa gasto de calorias. De facto o que mais faz emagrecer é o balanço negativo entre entrada de calorias e o seu gasto em exercício; e o que mais consegue mobilizar as reservas mais resistentes são o frio e o “stress”.


Os sapatos de corrida têm-se desenvolvido na capacidade de amortecimento. Apesar da extrema importância, há quem lembre que eles tentam ultrapassar e esconder problemas com o excesso de carga, o excesso de peso corporal e a técnica menos aprimorada de corrida, com problemas na recepção ao solo.

De facto escolher uns bons sapatos é fundamental mas isso não deve fazer descurar o resto.


“Na persistência de dúvidas ou dos sintomas consulte o médico ou o farmacêutico” como se fossem equivalentes, tivessem a mesma formação, tivessem a mesma função ou competências, trabalhassem no mesmo local.


De facto, ambos são úteis mas se o propósito for comprar um medicamento, não posso ir ao médico porque não os vende. Agora se estiver doente é mesmo aconselhável.


 



Artigos meses anteriores:


 

Artigo "Com Peso e Medida" de Março - "Intervalo de Confiança II"

 

Artigo "Com Peso e Medida" de Fevereiro - "Intervalo de Confiança I"

 

Artigo "Com Peso e Medida" de Janeiro - "O Iceberg ou a pirâmide submersa"

 
 

Artigo "Com Peso e Medida" de Novembro - "Atletismo Rendimento"

 

Artigo "Com Peso e Medida" de outubro - "Torres (Clindros) e Pirâmides I"


Artigo "Com Peso e Medida" de setembro - "Ano Novo, Vida Nova"


Artigo "Com Peso e Medida" de julho - "A Água"


Artigo "Com Peso e Medida" de junho - "As Histórias Não Escritas"


Artigo "Com Peso e Medida" de maio - "Recuperação e Módulo de Elasticidade"


Artigo "Com Peso e Medida" de abril - "Curvas de Sobrevivência"


Artigo "Com Peso e Medida" de março - "Contas , Pesos e Medidas"


Artigo "Com Peso e Medida" de Fevereiro - "A Lei das Séries II"


Artigo "Com Peso e Medida" de Janeiro - "A Lei das Séries I"

Publicado/editado: 04/03/2012