Afonso Bandeira conquista o prestigiado Sloan Research Fellowship 2018

.

(Copyright: NYU Photo Bureau: Kahn)Afonso Bandeira, antigo vencedor das Olimpíadas Portuguesas de Matemática, acaba de ser distinguido com o prestigiado Sloan Research Fellowship 2018. Este reconhecimento premeia os mais promissores investigadores de diferentes áreas científicas, atualmente a desenvolver trabalho de investigação nos Estados Unidos da América e Canadá. O montante pecuniário da bolsa é de 65.000 dólares (cerca de 53.000 euros) e poderá ser gasto ao longo de um período de dois anos em qualquer despesa que apoie os seus trabalhos de investigação.

Afonso Bandeira, de 29 anos de idade, é atualmente professor auxiliar Instituto Courant de Ciências Matemáticas, da Universidade de Nova York, sendo membro do Departamento de Matemática e do Centro de Data Science. O antigo aluno da Universidade de Coimbra, onde completou o mestrado em 2010, obteve o seu doutoramento em Matemática Aplicada e Computacional na Universidade de Princeton, sob orientação do Professor Amit Singer, com a dissertação Convex Relaxations for Certain Inverse Problems on Graphs. Entre 2015 e 2016, foi instrutor de Matemática Aplicada no Massachusetts Institute of Technology ( MIT). Ainda no Ensino Secundário, , em 2006, conquistou o Prémio Bento de Jesus Caraça e, em 2016, foi um dos oradores plenários do Encontro Nacional da SPM, com a apresentação "Problemas Matemáticos da Era da Revolução de Dados".

Afonso Bandeira procura uma compreensão mais profunda de vários processos para extrair informações de dados. Embora os conjuntos de dados maciços hoje disponíveis permitam mudar a forma de compreender o mundo que nos rodeia, os desafios computacionais decorrentes da análise desses dados podem apresentar barreiras fundamentais para aprender com os dados. O trabalho de Afonso Bandeira analisa os limites da inferência estatística com restrições computacionais. Num primeiro plano, tem-se focado em problemas com uma estrutura algébrica rica, um exemplo sendo como reconstruir uma molécula através de um grande conjunto de imagens com ruído obtidas por microscopia crioelectrónica.

(Photo copyright: NYU Photo Bureau: Kahn)

 

 

Publicado/editado: 22/02/2018